Estão a
Arrebentar
as Águas

Uma experiência imersiva na intersecção entre teatro e performance.

Estão a Arrebentar as Águas, 2019, escrito e atuado por Gabriela Veiga, é um projeto documental que mostra ao público a pesquisa da atriz sobre o tema ”separação”. Tem como inspiração a experiência com a morte de sua avó e o trabalho do filósofo e psicanalista alemão Erich Fromm, que aborda a relação entre qualidades do amor e a consciência de estar separado.

As projeções criadas pelo artista Edson Pavoni de forma procedural e numérica, interagem com a personagem da peça, criando diferentes universos de flutuação, queda, velocidade, dança e mergulho enquanto ela revive suas situações de separação e questiona duas das frases mais famosas do mundo - "I love you" e "Made in China".

Estão a Arrebentar as Águas teve sua estréia no festival de teatro Mindelact em São Vicente, Cabo Verde e temporada em São Paulo, Brasil no Teatro de Contêiner.


Direção:
Gabriela Veiga

Arte e Direção visual:
Edson Pavoni

Assistente de direção:
Bruna Brignol

Dramartugia e performance:
Gabriela Veiga

Trilha Sonora Original:
André Abujamra

Figurino:
Telumi Hellen

Luz e estrutura tecnológica:
Thiago Capella

Cenotécnica:
Emerson Fernandes

Fotografia:
Rodrigo Rosa e Giorgio D'Onofrio

Video:
Dida Andrade e Andradina Azevedo